Divulgar idéias próprias, combater o discurso invertido corrente, aprender a dividir, expor sentimentos,
trazer poesia ao dia-a-dia, eis a abrangente ação deste veículo de idéias. De tudo, um pouco - minha meta.
 

online


envie-me um



Links:

Imagens e Palavras
Sub Rosa v.2
Meg
Xico
Cora Ronai
Flavia
Divagando
Carminha
Subrosa
Claudio Rubio
Lou
Laurinha
Matusca
Suely
Claudia Letti
Aninha Pontes
Valter Ferraz
Telinha
Giniki
Teruska
Helo
Fal
Dudi
Fer
Lord Broken Pottery
Nelson da praia
Marco
Arquimimo
Angela Scott
Dauro
Bia Badaud
Angela do Mexico
Andre Machado
Aurea Gouvea
Ruth Mezeck
Ronize Aline
Ane Aguirre
Elis Monteiro
Cath
Wumanity
Telhado de Vidro
Beth
Milton Ribeiro
Stella
Veronica
Renata
Lucia
Thata
Zadig
Lamenha
annemsens
Cesar Miranda
Paulo Jose Miranda
Eiichi
Li Stoducto Stella Ramos Santos





Arquivos
Junho 2002
Julho 2002
Agosto 2002
Setembro 2002
Outubro 2002
Novembro 2002
Dezembro 2002
Janeiro 2003
Fevereiro 2003
Março 2003
Abril 2003
Maio 2003
Junho 2003
Julho 2003
Agosto 2003
Setembro 2003
Outubro 2003
Novembro 2003
Dezembro 2003
Janeiro 2004
Fevereiro 2004
Março 2004
Abril 2004
Maio 2004
Junho 2004
Julho 2004
Agosto 2004
Setembro 2004
Outubro 2004
Dezembro 2004
Janeiro 2005
Fevereiro 2005
Março 2005
Abril 2005
Maio 2005
Junho 2005
Julho 2005
Agosto 2005
Setembro 2005
Outubro 2005
Novembro 2005
Dezembro 2005
Janeiro 2006
Fevereiro 2006
Abril 2006
Maio 2006
Junho 2006
Julho 2006
Agosto 2006
Setembro 2006
Dezembro 2006
Janeiro 2007
Fevereiro 2007
Maio 2007
Junho 2007
Julho 2007
Agosto 2007
Setembro 2007




Design de
Rossana Fischer










14.7.03
 
Democracia é a escolha feita por muitos incompetentes. Ditadura é a indicação feita por uns poucos.

O que este País precisa não é de democracia - é de menos gente que toma liberdades com a democracia.

A educação substitui a ignorância confiante pela incerteza ponderada.

Ausência de evidência não é evidência de ausência.

O bom executivo toma decisões rapidamente e manda logo alguém executar o trabalho.

A liberdade é sempre perigosa, mas é a coisa mais segura que a gente tem.

Por mais escassa que a verdade seja, a oferta é sempre maior do que a procura.

A variedade pode ser a alegria da vida, mas a monotonia é que põe a mesa.

Nada: faca sem cabo cuja lâmina se perdeu.

Deixe sempre para amanhã aquilo que você na certa iria bagunçar hoje

De mão em mão a verdade vira ficção.

Em terra de olho, quem tem um cego... errei!


Já vou explicar:
Caiu-me nas mãos o livrinho Eu gostaria de ter dito isso! em que Luís Carlos Bravo compilou um bom número de frases de espírito, simplesmente para fazer rir o leitor comum. Carioca da gema, é o autor da idéia, talvez influenciado por Sérgio Porto com quem trabalhou no antigo Diário Carioca. Os direitos autorais do livro foram doados a várias instituições de caridade.


(((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((


Prece matinal entre os Peles-Vermelhas:

´Desejo que a Beleza esteja ao norte e ao sul, a este e a oeste de mim, que a Beleza esteja acima de mim, que a beleza esteja abaixo de mim...´

Encontrada por Lucie Lelarue-Madrus, como afirma Cecília Meireles na crônica intitulada Beleza em seu livro Cecília Meireles / Crônicas de educação.


)))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))


Quanto à poesia de hoje, por que sair de Cecília?


INFÂNCIA

Levaram as grades da varanda
por onde a casa se avistava.
As grades de prata.

Levaram a sombra dos limoeiros
por onde rodavam arcos de música
e formigas ruivas.

Levaram a casa de telhado verde
com suas grutas de conchas
e vidraças de flores foscas.

Levaram a dama e seu velho piano
que tocava, tocava, tocava
a palida sonata.

Levaram as pálpebras dos antigos sonhos,
deixaram somente a memória
e a lágrimas de agora.

Cecília Meireles.


Deixemos a suavidade de Cecília calar em nossa alma.
Até novo encontro



publicado por Magaly Magalhães às 1:06 AM
Comments:
<$BlogCommentBody$>
<$BlogCommentDeleteIcon$> (0) comments
Postar um comentário